VÍDEOS

Loading...

domingo, 22 de agosto de 2010

Seleção Brasileira derrota Argentina em Manaus



Manaus (AM) - A Seleção Brasileira de Futsal estreou com pé direito em Manaus (AM). Neste domingo (22/8), na Arena Amadeu Teixeira, os brasileiros derrotaram os arge ntinos por 6 a 1 no primeiro confronto do Desafio Internacional ? Brasil e Argentina. Na próxima terça-feira (24/8), as duas seleções se enfrentam pela segunda vez no ginásio Newton de Faria, em Anápolis (GO), às 19 horas, com transmissão ao vivo do SporTV. 

No início do jogo, a Argentina entrou com uma postura mais ofensiva no início da partida e chegou a assustar o goleiro Tiago. Porém, com o decorrer do tempo, o Brasil conseguiu envolver a seleção portenha e passou a ameaçar Santiago Elias, arqueiro albiceleste.

Aos 8min08, o pivô Lenísio recebeu passe do ala Murilo e, depois de ser bloqueado, limpou dois adversários para chutar com força e abrir o placar para a Seleção Brasileira. Depois de sofrer o primeiro gol, os argentinos tiveram que sair mais para o jogo, e os brasileiros aproveitaram para forçar em busca do segundo gol. 

Aos 11min29, o ala Dieguinho entrou livre na área e, mesmo sem ângulo, chutou para ampliar a vantagem brasileira. Apenas 50 segundos depois, a bola foi rolada para o fixo Neto, que emendou de primeira e marcou o terceiro gol brasileiro. 

Sem reação, a Argentina contou com a sorte para diminuir o placar. Aos 19min37, o fixo Pablo Belsito arriscou e, após desvio, a bola enganou o goleiro Tiago, que não evitou o primeiro tento argentino. No lance seguinte, porém, o Brasil ampliou novamente o placar, com um gol do ala Valdin, que fechou o placar parcial em 4 a 1.

Na segunda etapa, os argentinos encaixaram melhor a marcação sobre o Brasil. Mesmo assim, os brasileiros conseguiam criar jogadas de perigo, principalmente em chutes de longa distância. A dificuldade, no entanto, era vencer o goleiro Elias, que fez boas defesas e segurou o placar. 

Aos 31min49, o arqueiro argentino se esforçou, mas não conseguiu evitar o quinto gol brasileiro, que começou em um contra-ataque rápido da Seleção Brasileira. A bola chegou até Dieguinho, que, percebendo Elias adiantado, chutou, mas o goleiro conseguiu espalmar a bola para o lado. O ala Valdin, mesmo saindo atrás de um defensor portenho, conseguiu dar um toque e ampliar a vantagem. Atuando de forma tranqüila, o Brasil voltou a ampliar o marcador no fim do jogo, aos 39min40, em cobrança de pênalti convertida pelo ala Thiaguinho. 


Torcida aprova estréia da Seleção Brasileira em Manaus


Manaus (AM) - A lotação máxima da Arena Amadeu Teixeira, em Manaus (MA), já era um indício do carinho do público local com a Seleção Brasileira. Depois da vitória por 5 a 1 neste domingo (22/8), no primeiro confronto do D esafio Internacional – Brasil e Argentina, os manauaras já estão ansiosos é pela volta do time canarinho, que atuou pela primeira vez na capital amazonense.

“Sempre assisti aos jogos do Brasil pela televisão e quando descobri que eles viriam aqui, corri para comprar ingresso para mim e para meus filhos. É muito bom participar disso e espero que eles tenham gostado da nossa recepção e que queiram voltar logo”, contou Antônio Fernandes, de 39 anos, que estava acompanhado dos filhos Warlison da Silva Fernandes, de 11, e Wanderson da Silva Fernandes, 15.

Os dois meninos também estavam animados com o jogo da Seleção. “O Brasil está jogando muito bem, mas precisa fazer mais gols. Só 4 a 1 está pouco”, disse Wanderson, no intervalo da partida. “Sou jogador e estou assistindo para aprender novos dribles e jogadas. Eles são muito bons”, contou Warlison, exaltando a qualidade dos atletas brasileiros.

Para Antônio, além da alegria por assistir a Seleção, o melhor é poder incentivar os filhos a praticar esporte. “Por isso eu trouxe os dois. O esporte é muito importante na vida, porque afasta os jovens de coisas ruins da vida e ainda dá a possibilidade de uma profissão, de ser bem sucedido”, explicou.

Já o estudante José Emanuel de Oliveira Júnior, de 11 anos, procurou um lugar bem perto da quadra para acompanhar a Seleção. “Aqui é melhor porque eu vejo tudo como se estivesse dentro da quadra”, explicou. 

O foco da atenção de José era o ala Falcão, que, segundo o estudante, foi o melhor jogador em quadra. “Ele joga muito mesmo. Via pela televisão, mas ao vivo é muito melhor para acompanhar os jogadas e os dribles dele”, disse.


Pablo Belsito fala sobre a partida diante do Brasil


Manaus (AM) - O autor do gol da Argentina, no confronto diante da Seleção Brasileira, único do selecionado dirigido por Fernando Larrañaga, na derrota por 6 a 1 para o Brasil, no confronto ocorrido na manhã deste domingo (22/8), em Manaus, capital de Amazonas, falou sobre o resultado e sua atuação.

Para Pablo Belsito, fixo do Ferro Carril Oeste, clube argentino, sua equipe teve boa atuação no jogo pelo menos nos primeiros minutos. Mas atuar em Manaus, para o atleta argentino, foi difícil para sua equipe.

Ele explica que o time teve que passar por uma mudança muito brusca de clima. “O calor de Manaus, somado ao calor da torcida, foram importantes para o sucesso do Brasil no jogo. Nesse momento passamos por inverno em Buenos Aires e a diferença de temperatura nos atrapalhou um pouco”, disse o atleta.

Belsito se disse satisfeito por ter marcado diante do Brasil nesta primeira partida. “Fiquei feliz por ter marcado o gol diante do Brasil. Foi meu primeiro tento contra a seleção brasileira, que considero a maior e melhor do mundo. Por isso foi algo muito especial”, explicou.


Apesar da goleada, Sorato quer melhor desempenho


Manaus (AM) - A Seleção Brasileira de Futsal goleou a Argentina neste domingo (22/8), no primeiro dos dois confrontos do Desafio Internacional de Futsal. A vitória por 6 a 1, em Manaus (AM), agradou o público amazonense que lotou a Arena Amadeu Teixeira, com cerca de 10 mil pessoas. Agora as duas seleções seguem para Anápolis (GO), onde voltam a se enfrentar na terça-feira (24/8), às 19h.

Para o técnico Marcos Sorato o desempenho poderia de seus comandados poderia ter sido melhor. ?Não conseguimos jogar o tempo todo bem, fomos muito irregulares, talvez por conta do calor e pela falta de entrosamento, mas construímos uma vitória. Para nós o mais importante era ganhar para presentear este público que veio e esteve do nosso lado?, comentou.

O treinador brasileiro lamentou o fato de a equipe ter sofrido um gol, mas ressaltou a boa atuação dos jovens ? dos doze convocados, nove tinham menos de 30 anos. ?Sofremos um gol e isto não é bom, mas os garotos mostraram personalidade. Jogaram para mais de 10 mil pessoas e deram conta do recado?, falou Marcos Sorato, que chamou um elenco com média de idade de pouco mais de 26 anos.

Sobre os fatores externos que influenciaram o desempenho verde-amarelo, Marcos Sorato comentou sobre a temperatura acima de 30 ºC na arena. ?Sabíamos do calor, mas não usaríamos isto como desculpa, até porque os argentinos estão vindo de um frio bem mais intenso e sentiram a alta temperatura?, finalizou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário