VÍDEOS

Loading...

quinta-feira, 2 de junho de 2011

Coluna do Papa no Jornal Diário do Nordeste


Sílvio Carlos

Publicado em 2 de junho de 2011 
  • Imprimir
  • Enviar
  • Aumentar
  • Diminuir
 
Clique para Ampliar
Uma instituição que completa 92 anos de existência tem muito para contar: o Colégio Militar
Clique para Ampliar
Adauto e Humberto Bezerra, com o general Souza
Clique para Ampliar
Alexandre Rodrigues Lima, Luciano Silva, Maria Liduína e Valdenor Júnior
92 anos
Uma instituição que completa 92 anos de existência tem muito para contar. O Colégio Militar festejou, na terça-feira passada (01/06), essa data e o seu comandante, coronel Luciano José Penna, recebeu os convidados especiais. Na vida militar, no ensino educacional e no esporte, o Colégio Militar tem marcado a sua presença de maneira brilhante e vitoriosa. Possui um dos maiores acervos do nosso desporto e as suas dependências abrigam campo de futebol, ginásio de basquete, vôlei e futsal, quadras abertas, piscina e pista de atletismo.

Colégio Militar II
Com muita honra recebi, em 1972, das mãos do então coronel Haroldo Erichsen da Fonseca ,o título de amigo daquela casa, diploma que guardo com orgulho em minha residência. Salve o Colégio Militar, criado pelo decreto de número 166, de 17 de novembro de 1961, sendo implantado no dia 01/01/1962 e considerado o herdeiro do antigo Colégio Militar do Ceará.

A rodada do futsal
A direção do CT da CBFS não aceitou por bem, e em defesa do próprio torcedor, um jogo do Fortaleza naquela quadra porque a torcida do Tricolor do Pici, que tem ido aos jogos, é muito maior que a capacidade do ginásio. Este o motivo. O time de Russas aceitou transferir de sua cidade para Iparana o duelo contra o Sumov, decisão do prefeito Raimundo Cordeiro.

No Paulo Sarasate
Em face do jogo Sumov x Afagu/Russas ter passado para o Centro de Treinamento da CBFS em Iparana, os confrontos Ferroviário x Meruoca e Espaço Jovem x Fortaleza serão realizados na segunda-feira, à noite, na quadra do Ginásio Paulo Sarasate. O primeiro começa às 19 horas.

Os coronéis
O que tem a ver os coronéis Adauto e Humberto Bezerra com o esporte, Sílvio? Até bem pouco tempo, nada. Mas com a decisão dos dois irmãos de autorizar o poderoso BIC a deduzir de seu imposto de renda verba para viabilizar as quadras hoje cobertas do Círculo Militar, tudo. E os dois estarão sábado no Círculo, que abre sua Olimpíada e usará as dependências que estão melhoradas graças à visão destes dois corretos militares, que figuram hoje, com o general Souza, na coluna.

Transformação
A propósito do general Souza, ele transformou o CM. Com aquele seu jeito de quem não quer, querendo, o general João Crisóstomo de Souza vai fazendo administração espetacular. E ele já disse: "O exercício da presidência de um clube social é um trabalho gratuito, voluntário, que requer empenho e dedicação de seu ocupante e demais companheiros da diretoria, para bem atender aos anseios e aspirações dos associados".

Com a bola toda
Alexandre Rodrigues Lima está com a bola toda. Aliás, toda a arbitragem cearense vive um momento de muita eficiência. Alexandre apitou a final masculina da Taça Brasil Sub 17-de Futsal, na cidade de Aracaju/SE. E aqui com ele estão Luciano Silva, Maria Liduína e Valdenor Júnior. Um quarteto que honra a qualidade da arbitragem do Ceará.

Nenhum comentário:

Postar um comentário