VÍDEOS

Loading...

quinta-feira, 21 de abril de 2011

Coluna do Papa no Jornal Diário do Nordeste


coluna

Sílvio Carlos

Publicado em 21 de abril de 2011 
  • Imprimir
  • Enviar
  • Aumentar
  • Diminuir
 
Evaldo Lima e Sílvio Carlos, em destaque
Mateus está hoje na coluna com João César
Lado a lado
Eu vi todo o jogo Fortaleza 2x0 Sumov, na decisão da 20ª Copa Metropolitana de Futsal - Série Ouro, segunda-feira passada (18/04), ao lado do secretário Evaldo Lima, titular da Secretaria de Esportes e Lazer de Fortaleza (Secel). E mais uma vez ele mostrou conhecimentos do esporte. Eu destaquei o fato da democratização do uso do Ginásio Paulo Sarasate e ele falou dos planos para este ano ainda. Na foto o secretário Evaldo, o colunista e aparecem ainda o diretor técnico da FCFS Roberto do Vale e o presidente do time sumoveano, coronel Gomes. 

Reconhecimento
Ele é filho de meu amigo Darcy Pinheiro e sobrinho do ex-presidente da FCF José Alcy Pinheiro. É um estrategista do futsal e conhece a fundo o esporte. Foi carregado nos braços após a vitória e brincou com o colunista: “Cadê o El Bruxo”, referindo-se ao técnico rival Elivésio Fernandes. E este disse: “O campeonato começa 2ª (25/04). Hoje foi uma preliminar”.

1 mi para o basquete 
A notícia é oficial. A Secel fechou contrato com a Liga Cearense de Basquetebol (LCB) e destinou 1 milhão e oito mil reais para projeto de massificação nos bairros. O convênio foi assinado e o Diário Oficial do município já publicou os termos. A LCB e a Federação Cearense de Basquetebol (FCB) de há muito lutam pelo controle deste esporte. Tentei um contato com Renan Correa, da LCB, mas ele não respondeu os recados deixados em seu celular. 

“Bombas”
E atenção! O Horizonte pode perder jogadores antes da 2ª feira (25/04). O Sumov pode ficar sem Thiago e o Afagu/Russas está reagindo e partindo para novas contratações. Liguem os fios. Fiquem atentos. O caldeirão de transferências no futsal pode virar um vulcão a qualquer momento. 

23 jogos num dia
Incrível! Recorde! A Federação Cearense de Futsal (FCFS) realizou, sábado que passou, 23 jogos num só dia. Somente no ginásio da Faculdade Católica tivemos 10 partidas. Jogos ainda no Ginásio Aécio de Borba, Ginásio Meton César, do Náutico, e no Ginásio Paulo Sarasate, que foi pelo adulto. A vitalidade de um esporte a gente mede pelo número de participantes. 

São Mateus
Airton Fontenele confirmou a versão de que em 1946 Gentil Cardoso, técnico do Fluminense, disse que se o clube desse a ele o Ademir, ele ganharia o campeonato. O Ademir foi para o Flu, que foi campeão. Régis Rato, técnico do Sumov, disse ao coronel Gomes: “Dêem-me o Mateus e vos darei o título”. Betinho tirou Mateus do Sumov e levou para o Fortaleza, que ganhou a 20ª Metro. Ele pegou três pênaltis na semi e fechou o gol na decisão. Mateus está hoje na coluna com João César. 

Inclusão social
Atenção Gony Arruda e Evaldo Lima. A inclusão social é vital para que o Brasil acabe com a miséria. Realizando 23 jogos num só dia, a FCFS ensejou trabalho a árbitros, oficiais de mesa, enxugadores de quadra, eletricistas, funcionários dos ginásios, seguranças da rede privada, ambulantes etc. E em todos os ginásios não foi cobrado nenhum centavo do torcedor. Portões abertos. Isto é o que a gente chama de inclusão social. 

Retificação
Na foto que aqui saiu com o prefeito Nezinho recebendo troféu, quem está a seu lado é o goleiro Alan (muito bom por sinal) e não o Glauber, como eu disse. E a retificação vem a pedido do próprio pai do Alan, meu velho amigo dos tempos da Gazeta de Notícias e leitor assíduo desta coluna, ao lado de quem vi Horizonte e Fortaleza, sábado passado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário